A Rederecord no programa SP Record apresenta a conduta da Policia Militar na escola pública do Rio de Janeiro que está dando certo.

Certo para quem ????

A Policia entra na escola em grupos. Entram na sala de aula, brincam com os alunos, colocam a boina na cabeça deles que riem satisfeitos. Ganham a confiança dos alunos que contam então, o que se passa na escola e fora dela. Alunos pequenos, ensino fundamental, que adolescente não entra nessa de caguetar morador para a policia.

A lei do silêncio é imperativa em comunidades pobres e periferia, é a lei da sobrevivência. Os moradores sabem quem é bandido e onde tem ponto de venda de droga. Para garantir a sobrevivência e evitar vingança, ninguém fala nada. Criança também sabe. Seduzida pela policia e pela professora e para agradar, ela vai e conta o que sabe ????

A Record mostrou um monte de alunos pequenos, nessa situação. Se amanhã tiver ponto de droga detonado, bandido preso, quem garante que esse mesmo bandido nao vai dar um jeito de se vingar de quem o delatou ? Começarão a morrer crianças aos montes ? Quem se preocupa com elas ? Num pais que é o quinto que mais mata jovem no mundo, será dos primeiros em morte de criança ?

Afinal são apenas alunos de escola pública…Aluno pobre de periferia… O que dá um frio na espinha é pensar que a Policia Militar de São Paulo pode copiar a conduta e começar a entrar na escola de ensino fundamental e interrogar os alunos para descobrir o “que se passa ” na região onde o aluno mora. Tudo com as bênçãos da Rederecord de Televisão.

Hoje transformamos alunos pequenos de escola pública em informantes da polícia e amanhã ele será morador definitivo em qualquer vala comum de algum cemitério público. O desrespeito ao aluno de escola pública chegado ao extremo.

Escola corrupta, que não ensina nada, dá maus exemplos. Quando pensamos que a violência o desrespeito ao aluno de escola pública chegou ao limite, aparecem com mais uma. Quando pensamos que já vimos tudo em relação a violência contra aluno de escola pública, as autoridades aparecem com mais uma.

Cremilda Estella Teixeira – de olho na escola.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s