22/09/2011 12:19:02 por Eugênio Nascimento em Economia

Do jornal “O Globo”, edição desta quinta-feira, dia 21 de setembro

“Especialistas dizem que a

província petrolífera que se esboça

no horizonte sergipano

pode transformar o estado “no

próximo Espírito Santo”, em

termos de produção. E não se

descarta uma produção de 200

mil barris/dia, que levaria Sergipe

ao clube dos grandes”.

 

 

Divisão da riqueza

Descoberta de petróleo em Sergipe muda ‘tabuleiro’ de royalties

Publicada em 21/09/2011 às 23h21m

Vivian Oswald (vivian.oswald@bsb.oglobo.com.br)

BRASÍLIA – A confirmação da presença de petróleo e gás em águas profundas na bacia Sergipe-Alagoas, anunciada ontem pela Petrobras, pode mudar o xadrez da distribuição dos royalties. A descoberta revela que outros estados podem passar a ser grandes produtores de petróleo no mar, além de Rio de Janeiro, Espírito Santo e São Paulo. Assim, terão de se dispor a dividir as riquezas do futuro A reação foi imediata. O secretário de Desenvolvimento do ES, Marcio Félix, mandou ainda pela manhã um tweet para o governador de SE, Marcelo Deda: “Sergipe poderá não ganhar os royalties da importante descoberta de Barra com as mudanças nas regras sobre royalties”.

A proposta apresentada pelo governo na semana passada e a do senador Wellington Dias (PT-PI) se concentram justamente na divisão dos royalties no mar entre as unidades da federação.

LEIA TAMBÉM: Espírito Santo discorda da proposta em debate sobre divisão de royalties

Especialistas dizem que a província petrolífera que se esboça no horizonte sergipano pode transformar o estado “no próximo Espírito Santo”, em termos de produção. E não se descarta uma produção de 200 mil b

Os estados produtores já haviam apresentado como argumento, para sensibilizar as outras unidades da federação, um mapa com o potencial de novas descobertas nas bacias sedimentares do país. Diziam que optar agora pela divisão dos royalties por igual poderia limitar o potencial de receitas de estados e municípios no futuro sobre a exploração de novas áreas.

Já o governador Sérgio Cabral disse nesta quarta-feira ser covardia o que está sendo feito com o Rio na divisão dos royalties do petróleo. Aceitar o acordo proposto no momento seria ceder e abrir mão de receitas novamente, afirmou. É a primeira vez que Cabral se manifesta de maneira tão incisiva desde o fim de 2010 quando, ao reagir à aprovação da Emenda Ibsen – que divide os royalties em parcelas iguais entre os estados – chorou.

Leia a íntegra no Globo Digital (exclusivo para assinantes)

Comentários
  1. As perguntas que NÃO querem calar:

    QUEM CUSTEIA A PETROBRÁS??????? Se é todo o POVO brasileiro…

    Onde vai parar a famosa EQUIPARAÇÃO da IGUALDADE REGIONAL se a EMENDA IBSEN PINHEIRO não for APROVADA????? RJ, ES e SE vão se transformar em Abu Dhabi em detrimento ao resto da NAÇÃO??????

    E, se num futuro,o Amazonas se recusar a DIVIDIR suas RIQUEZAS com o RESTO do BraZil??? A AMAZÔNIA vale 1000 vezes o Pré-Sal…

    Onde está a ESTATAL de SEGUROS do GUIDO MANTEGA para o BILIONÁRIO SETOR de SEGUROS PETROLÌFEROS??? Estas IMENSAS cifras em SEGUROS vão parar nos COFRES americanos, franceses e suíços????

    A BRITISH PETROLEUM está no BRASIL fazendo PROSPECÇÃO… E o DESASTRE do GOLFO do MÉXICO??? Ela já indenizou?????

    A ANP é muito apressadinha em fazer suas LICITAÇÕES… De que lado está a ANP?????

    As Elites Políticas do Rio de Janeiro, Minas Gerais, São Paulo e Espírito Santo são todas faces da mesma moeda do Café Com Leite Da VELHA REPÚBLICA, são todos SEPARATISTAS, XENÓFOBOS e RACISTAS.
    E hoje, presenciamos o NEO-Separatismo na distribuição acintosa e imoral dos Royalties do Petróleo extraídos do Mar Territorial de TODOS os Brasileiros, como vemos os Investimentos da Universidade Federal do Rio de Janeiro, e não, em muitas outras carentes Universidades de TODO o Brasil, é uma VERGONHA, a Universidade do Rio de Janeiro deveria se ENVERGONHAR deste SEPARATISMO NOJENTO e NOCIVO.

    NÃO é o Rio de Janeiro (fevereiro e março) que custeia os Estudos da Petrobrás.

    NÃO é o Rio de Janeiro que custeia a Transpetro.

    NÃO é o Rio de Janeiro que custeia as Plataformas, os Estaleiros, a Logística e o Transporte gastos pela Petrobrás.

    NÃO é o Rio de Janeiro que está custeando os Submarinos e a Proteção do Pré-Sal.

    As contas de Sérgio Cabral não batem com as minhas…

    Viva a Emenda Ibsen Pinheiro!!! Mar Territorial quer dizer que: De 33 metros de areia da margem até o limite de milhas é MAR da UNIÃO e não, do Rio de Janeiro (fevereiro e março) ou de SE, ou de SP, ou do ES!!! O BraSil está sendo ROUBADO pelo RIO DE JANEIRO.

    E, se o LADRÃO ELITISTA e SEGREGADOR do ALOIZIO Mercadante pensa que as Universidade de São Carlos e São José dos Campos vão receber percentuais dos ROYALTIES do Pré-Sal às CUSTAS das UNIVERSIDADES do NORTE/NORDESTE ele está MUITO ENGANADO.

    E, se o LADRÃO ELITISTA e SEGREGADOR do ALOIZIO Mercadante pensa que o Parque Industrial de São Bernardo do Campo vai receber benefícios do Pré-Sal às custas da CRIAÇÃO de Parques Tecnológicos e Industriais no NORTE/NORDESTE ele está MUITO ENGANADO.

    O BraSil vai do CABURAÍ ao CHUÍ.

    – – – – –

    20/04/2011: Pg. 18. Parte II – Poder Legislativo. Diário Oficial do Estado do Rio de janeiro (DOERJ)

    7.2 DESEMPENHO DOS ROYALTIES E PARTICIPACOES ESPECIAIS EM 2010

    Em 2010, o Estado do Rio de Janeiro recebeu R$ 6,409 bilhões relativos aos royalties do petróleo. O resultado representou elevacão de 13,44% em relacão ao ano anterior, se expurgadas as receitas extraordinárias oriundas do acerto de Marlin (R$ 640 milhões). Embora que afetadas negativamente pela queda da producão e pela apreciacão da moeda nacional, as receitas oriundas da compensacão pela extracão de petróleo foram ligeiramente impulsionadas pela melhoria nos preços do óleo, sobretudo no ultimo trimestre do ano.

    http://www.jusbrasil.com.br/diarios/26497428/doerj-parte-ii-poder-legislativo-20-04-2011-pg-18

    22/03/2010: O Rio de Janeiro merece os royalties do petróleo?
    http://www.administradores.com.br/informe-se/artigos/o-rio-de-janeiro-merece-os-royalties-do-petroleo/43413/#

    15/01/2011: Onde o Rio gasta os bilhões dos “royalties” do petróleo?
    http://poavive.wordpress.com/2011/01/15/onde-o-rio-gasta-royalties-do-petroleo/

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s